ORÇAMENTO 2023: Judiciários são representados por Michel Iorio em reunião com Delegado Olim

Michel Iorio, tesoureiro da Assojubs, em reunião da Frente Paulista com o deputado Delegado Olim

Por Camila Marques/ Assojubs

Michel Iorio Gonçalves, tesoureiro da Assojubs e coordenador geral do Sintrajus, fez parte do grupo de representantes da Frente Paulista em Defesa do Serviço Público que se reuniu com o deputado estadual Delegado Olim (Progressistas), relator da proposta orçamentária para 2023, na tarde desta terça, 6 de dezembro, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp).

O encontro foi intermediado pelo deputado Carlos Giannazi (PSOL), que esteve presente juntamente com, além de Michel Iorio, os demais integrantes da Frente Paulista: Lineu Neves Mazano (Fessp-Esp e Sispesp), Michel Schultz (Fórum das Seis), Desirée de Marco (Sindalesp), Addolorata Colariccio (APqC) e Rosaura Almeida (Apase/Grupo Juntos Somos Mais Fortes).

Judiciário: Reposição e contratações

O tesoureiro da Assojubs expôs ao relator que a reposição salarial da categoria deve estar assegurada no orçamento destinado ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP), pois a defasagem alcançou um terço dos vencimentos dos/as servidores/as. Foi reforçado que há a necessidade de novas contratações, pois, atualmente, são mais de 50 mil funcionários/as em atividade e 12 mil cargos vagos.

Iamspe: Contribuição reduzida do Governo prejudica atendimento

Sobre o Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe), Michel Iorio fez a comparação entre a contribuição dos/as servidores/as (próximo a R$ 2 bilhões) e a do Governo do Estado (apenas R$ 3 milhões), que deveria ser igualitária. Essa diferença é prejudicial para o atendimento, pois acarreta em falta de funcionários/as e médicos/as, diminuição da rede credenciada e sobrecarga na assistência prestada pelo Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE), na Capital, para onde são encaminhados/as pacientes do Litoral, Baixada Santista e Interior.

Equipe de transição: Reunião não ocorreu

Com a palavra, o Delegado Olim informou que conversou com Tarcísio de Freitas (Republicanos), governador eleito em São Paulo, mas não sabe o que virá de proposta da equipe de transição. Somente quando houver reunião é que poderá analisar as prioridades.

Emendas prioritárias

Ao ser questionado pelos membros da Frente Paulista, o deputado se dispôs a receber uma lista de emendas prioritárias até terça (13/12) e fará considerações em seu relatório baseadas nesses itens.

O parlamentar é o relator da proposta orçamentária para 2023

[ Notícias relacionadas ]

Comando estadual de mobilização agenda reuniões antes do Encontro

Eventos

Moção de Apoio à Deputada Federal Luciene Cavalcante (PSOL-SP)

Funcionalismo

Comando de Mobilização agenda novo Encontro Estadual dos Judiciários

Eventos