Servidores retornam à Alesp e são ofendidos por Arthur do Val
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
5/12/2019 - Fespesp / Por Raquel / Fespesp
 
Foto: Lucas Celegatti/ Assetj - Fespesp - Pública

 

 

 

Dando continuidade aos atos contra a Reforma da Previdência, servidores de todas as categorias participam nas Sessões Extraordinárias para aprovação a toque de caixa, sem discussão das emendas e dos efeitos da Reforma.

 

Como é de conhecimento, o deputado Arthur do Val (sem partido) ofendeu servidores, chamando todos de vagabundos. Tudo começou quando o parlamentar percorria o Plenário JK xingando os servidores, antes mesmo do tempo de sua fala. Pediu um aparte e falou por alguns segundos: “quero ver se vocês vão ouvir o que tenho a dizer”. Todos deram risada, perante a atitude do parlamentar conhecido como Mamãe Falei.

 

Após o deputado Cauê Macris o chamar à tribuna, todos viraram de costas em silêncio e o deputado começou a chamar todos de vagabundos, sendo sindicalistas ou não. Vale lembrar que a plateia estava repleta de professoras/es, auxiliares de enfermagem, agentes penitenciários, servidores dos Poderes Legislativo, Judiciário, Executivo e Autarquias. Macris o interrompeu e pediu que não usasse a palavra “vagabundos”. Arthur do Val questionou aos “sindicalistas do PT” onde estavam quando o deputado Teonilio Barba votou em Projetos favorecendo o PSDB. Ao contrário do que disse em vídeo, ninguém portava faixas ou qualquer acessório partidário. Mais tarde, deputados da Casa afirmaram que Do Val já foi processado por essa mesma fala, que não corresponde à realidade dos acontecimentos.

 

Mesmo com o pedido de Macris, Do Val continuou desafiando servidores a virarem de frente, chamando líderes de entidades de “animadores de torcida” e de machões os que olharam para o deputado. Sem que todos estivessem dando a atenção que ele tanto queria, retomou os xingamentos. O deputado Barba tomou as dores de todos os presentes e subiu à Tribuna, mas foi contido. Em seguida, Do Val fez gestos obscenos com as mãos e correu. Então os servidores viraram e gritaram “vai correr, vai correr, vai correr”, interpretado por alguns como ameaças de morte.

 

A sessão foi suspensa e retomada mais tarde. Todos que subiram à tribuna, após os acontecimentos, lamentaram o ocorrido e pediram desculpas aos presentes, que só estavam defendendo seus direitos. Às 23h, o deputado Sargento Neri pediu 5 minutos de silêncio em respeito aos servidores públicos. A Sessão foi encerrada às 0h30.

 

As entidades repudiam veementemente as atitudes do deputado Arthur do Val pelas ofensas e de Cauê Macris, por não ter cortado o áudio microfone quando teve oportunidade.

 

 

Hoje, pela tarde, o Governador João Doria está na Assembleia Legislativa para pressionar a aprovação e as Sessões continuam a partir das 19h. Todos os servidores estão convocados a participar hoje e das próximas que podem ser marcadas a qualquer momento.

 
 
 
4/6/2020 - Assetj
Transformação de Agentes será votada dia 10 de abril---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
6/6/2020 - Assetj
ADI é distribuída e Alexandre de Moraes é o relator---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4/6/2020 - Estado de Minas
Servidores: Congresso se articula para derrubar congelamento de salários---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4/9/2020 - Assetj
Assetj ingressa em Ação contra suspensão no pagamento dos Precatórios---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
6/10/2020 - AMB
Assetj assina Manifesto em Defesa da Democracia e do Judiciário---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4/6/2020 - PHS Samaritano Saúde
PHS Samaritano Saúde: Assistência Médica sem sair de casa---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4/7/2020 - Fespesp
Nota de pesar - Falecimento do Oficial João Alfredo Portes---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4/6/2020 - Pública Central do Servidor
Vitória da Pública em articulação da PEC Nº 10/2020---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filiada à:
            
 
 
Links úteis:
        
      
 
 
 
Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Rua Tabatinguera, 91 - São Paulo - SP - Cep 01020-001 - Fone: (11) 3291-4077
 
 
Agenda eletrônica